Comuns, as olheiras se caracterizam pelo escurecimento da região em torno dos olhos. Formam-se até em crianças. Muitos convivem com elas sem problemas, mas outros, em especial quando têm também bolsas de gordura, flacidez e rugas na região dos olhos, se sentem diminuídos e às vezes sua autoestima despenca. Felizmente, o fenômeno já conta com tratamento eficaz. Fenômeno que incomoda muitas pessoas, a olheira se caracteriza pelo escurecimento da região em torno dos olhos. Não há estatísticas sobre o problema, mas se sabe que é comum. Pode formar-se em qualquer fase da vida de homens e mulheres, até em crianças. Manifesta-se em todas as raças, sendo mais frequente e acentuada, contudo, nos árabes. Quando aparece e não recebe tratamento, tende a agravar-se. São três as causas básicas das olheiras: deposição de pigmentos escuros produzidos pelos melanócitos – um tipo de célula da pele – nas células queratinosas existentes em torno dos olhos; pele fina demais, permitindo a visualização dos vasos capilares (vasinhos externos); e presença de vasos capilares tão exuberantes que sua coloração escura, que é dada pelo sangue, fica perceptível na pele.

ENTRE EM CONTATO

Tratamentos em Destaque

Microagulhamento

Laser Erbium

Toskani

Ultraformer

Dermatologia Taglirini no YouTube

Conheça nosso espaço dedicado a muitas informações sobre a dermatologia em nosso canal no youtube, inscreva-se.

Ver Todos os Vídeos